terça-feira, 1 de julho de 2008

Post de aniversário

6 meses de veganismo! Quero comemorar e muito! Preciso dividir a alegria que eu sinto e dizer que essa foi uma das melhores decisões que tomei na minha vida (e uma das mais fáceis, também)! Dia 1° de janeiro deste ano eu conto como o dia oficial em que comecei conscientemente a ser 100% vegetariana, ou vegana.

Por 15 anos mais ou menos, até 2005, eu comia a carne de peixes e frutos do mar. Eu não me incomodava muito em comprar sapatos ou cintos de couro e adorava mel. Já pensava no assunto e lia bastante à respeito de direitos animais, testes desnecessários em animais feitos pelas indústrias farmacêuticas, de cosméticos e de materiais de limpeza... além disso, sempre me interessei em saber de onde vinha a comida no meu prato e acabei aprendendo sobre a ligação direta entre a fome nos países considerados do terceiro mundo e as indústrias da carne e da pesca.

A inquietação foi aumentando e eu fui me preparando. À partir de 2005, mudei minha dieta para ovo-lacto-vegetariana e passei a não comprar mais nenhum produto que pudesse ter pele ou couro animal. No finalzinho do ano passado, eu já não consumia laticínios, havia cortado o mel e a gelatina da minha dieta e fui diminuindo gradativamente o consumo de ovos como preparação final. No banheiro aqui de casa já não entravam mais xampus, condicionadores, loções, desodorantes, perfumes ou maquiagem de marcas que testam em animais.

De 1° de janeiro de 2008 pra cá, tudo mudou. Tentar colocar em palavras não é fácil porque muito disso é sutil, não aparece para os outros. O que aparece é o que está no corpo, no fato de que eu me sinto mais bonita do que nunca. No fato de que a minha saúde melhorou e minha energia aumentou em 100%. O que não aparece, e o que é muito difícil de expor em palavras, é o orgulho de estar ajudando o planeta. A sensação de estar contribuindo concretamente e fazendo a minha parte para um mundo melhor. "Ser a mudança que eu quero ver no mundo" se mostra claramente através do veganismo: em cada escolha que eu faço de não participar dos horrores que são praticados contra os indefesos animais em nome do prazer e da beleza, e contra a fome que assola o planeta. Contra a violência e pelo amor.

A cada refeição que eu faço e a cada compra de um cinto, uma carteira, uma bolsa, um par de sapatos... eu vivo o exemplo, confirmo com uma alegria enorme no coração a decisão que tomei, e percebo que nunca poderia ter feito diferente. O único arrependimento é não ter me tornado vegana antes. Podia ter feito isso há tanto tempo. É tão mais fácil do que parece, do que dizem, do que se pensa. Basta tentar. Só isso.

Go vegan!

7 comentários:

Letícia disse...

Parabéns, Andrea! Espero em breve também poder dizer que eu vivo do jeito que acredito. E me anima muito ler teus posts, tuas receitas deliciosas e pensar que pode não ser tão difícil quanto parece.

A propósito, estive olhando a lista do PEA de empresas que não testam em animais e vi que lá consta que a OX não testa. Pode até ser, mas essa marca pertence à Bertin S.A., empresa milionária e dona de frigoríficos e fábricas de carnes enlatadas, congeladas, hambúrgeres, o diabo a quatro, assim como as marcas Phytoderm, Francis, Neutrox, Karina, Kolene, Capi Vida e Elle Ella - pra ficar só nos cosméticos. Avisei lá no PEA mas achei legal dizer aqui também.

Beijos!

Fernanda - www.fernandafranca.com disse...

É legal ler o depoimento de outras pessoas. Obrigada. O seu blog é muito esclarecedor. Estou longe disso tudo, mas cada vez mais consciente. E cada passinho já é um passo, né? Beijo grande e parabéns.

Ana Lucia disse...

parabéns Deinha ! E começar era o mais dificil agora soh vai. Beijocas.

Andréa N. disse...

Obrigada, Leticia! E valeu o aviso. Eh bom mesmo ficar de olho nesses detalhes.

Fe, vc esta mais perto disso tudo do que imagina. Um passinho eh um passao nos dias de hoje! Continue nessa.

Obrigada, Ana, vc, como sempre, muito gentil!

samya disse...

Bom dia, acabo de conhecer o teu blog, eu não sou vegetariana, ainda, mas estou melhorando minha alimentação e meu estilo de vida e teu blog vai ser uma "mão na roda". Um grande abraço para você e longa vida ao blog.

Carla Beatriz disse...

Parabéns, Andréa, pela tua bela resolução.

Saiba que você é uma inspiração para que eu me torne vegana.

Um grande beijo

Ana Maria disse...

Oi! Li seu texto agora, com anos de defasagem, mas não faz mal! Bom, queria dizer que me identifiquei com o que disse...
Eu me tornei vegetariana, ainda ovo-lacto (somente ovos e leite "orgânicos"), e me sinto muito mal por não ter parado antes. Também parei de comprar coisas com couro, e tudo que é possível compro orgânico. Eu tento aplicar ao máximo os 3Rs em casa, com o meu namorado, e trocamos todos os produtos "quimicos" de casa por coisas biodegradaveis (por exemplo, não uso Pato, Veja, etc, mas sim produtos biodegradáveis, como vinagre, sabão de coco, etc... não uso mais esponjas Scotch-brite pra nada, limpo tudo, inclusive louças, com esponjas vegetais).
Parei de usar absorvente descartável, uso aqueles de algodão (aliás, indico o modelo da "Morada da Floresta", eu comprei pela internet, ótimo, confortável, saudável, degradável!)
Enfim, eu surtei, pra ser sincera! Toda a sociedade é fundamentada na destruição da natureza, e todos nós, inclusive eu e você, fazemos parte disso. Por mais que a gente tente, nunca escapamos disso. Mesmo assim, vale lutar, buscar alternativas para que a burrice do ser humano não destrua a própria espécie e milhares de outras.
Há quem leia isso que escrevo e pense: "poxa, você tem que fazer muito mais!". Mas outros talvez pensem que virei "mulher das cavernas"... não, infelizmente não.
Só acho que não basta reciclar pra achar que tá ajudando...
Tantas pessoas dizem: "ah, não consigo parar de comer carne"... "não consigo parar de comprar sapatos Schultz/Arezzo/etc" POR FAVOR NÉ! Minha família me entupia de carne durante minha infância, e eu parei! Mas não me sinto especial por isso... Muitas outras pessoas fizeram muito mais que eu!!!
E isso é um incentivo para eu continuar tentando!!!
Quanto às empresas que não testam produtos em animais, me espantei quando pesquisei... ADEUS DOVE, JOHNSON&JOHNSON, CLINIQUE, LANCOME, MAC, L'OREAL, AVON, VICHY, PROTEX, COLGATE, ORAL-B, L'OCCITANE.... até a MAC e a REVLON largaram seus "selos" cruelty-free da PETA pra vender pra China =[[
Não dá pra rastrear tudo, mas vamos continuar tentando (aos poucos, pra não infartar...)
Abraços e parabéns pelo post!

Posts similares

Related Posts with Thumbnails