domingo, 13 de abril de 2008

10 técnicas úteis para veganos lidarem com não-veganos:

1. Seja específico. Às vezes você tem que explicar o que significa ser vegano ou pedir alguma informação específica como: "tem caldo de frango nessa sopa?". Os erros que não-veganos cometem são inúmeros, nem dá pra listar aqui, mas algumas confusões comuns são:

a) Muita gente ainda acha que peixe e frango são comida vegetariana. Lembre-os de que não são;
b) Muita gente não entende o que significa "laticínios" e pensa que manteiga e iogurte (principalmente se for "fatfree") é vegano. Lembre-os de que "laticínios" são TODOS os produtos derivados do leite;
c) Muita gente se esquece dos caldos (de carne ou galinha), gordura, e outros pequenos detalhes. Se você acha que tal comida pode conter esses ingredientes, pergunte.

2. Seja positivo- ou o máximo que puder. Tente fazer com que o seu veganismo seja educado e fácil aos outros, não negando isso à você mesmo, mas adotando uma política educada para com o outro.

3. Seja confiante. Lembre a você mesmo dos seus objetivos e haja com confiança e determinação em relação à eles.

4. Seja generoso. Doe quando e onde puder. Isso faz bem e espalha o bem.

5. Seja firme. Só porque os veganos são minoria, não quer dizer que a gente mereça ser tratado como um problema. Nossas necessidades são tão importantes quanto as de qualquer um. Então, bata o pé por suas necessidades e seja firme quando pedir comida vegana.

6. Seja atencioso. Seja respeitoso, atencioso e sensível.

7. Esteja preparado. Leve sempre uma "refeição de emergência com você" (eu sempre tenho na bolsa uma barra de cereais vegana). Isso faz a vida mais fácil. Você pode ter consigo um saquinho com nozes, amendoins ou amêndoas, uma barra de cereais ou uma fruta. Ter algo pra comer vai sempre deixar todo mundo mais confortável numa situação não-vegana.

8. Esteja informado. Quanto mais você souber, mais preparado estará pra todos os tipos de situação. Há cada vez mais fontes de informação sobre o veganismo à disposição. Hoje em dia, há livros, websites, restaurantes, grupos de discussão, comunidades, videos, podcasts e todo tipo de recurso. Use-os!

9. Seja bem-humorado. Às vezes é difícil encontrar humor num mundo tão trágico como o nosso, mas ele existe. Encontre humor e graça nas situações e use-os.

10. Ponha a boca no mundo. Os animais não têm voz nesse nosso sistema. A voz dos veganos é a voz dos animais. Use-a!


*Via Vegan Soapbox, que pegou a idéia original pra esse post no blog Food for Thought. Adaptação livre minha.

7 comentários:

Roseane, disse...

Olha a sopa de alho poró com batata leva creme de leite e prato que estou arquitetando fazer também. Mas pode ser substituído dor soja né? Mas eu não não gosto de soja. Nunca fiz. Se você quiser a receita posso te enviar e você o que poderá substituir o creme de leite. Ok? Boa semana. Gostei das dicas.

Andréa N. disse...

Obrigada, Ro. Quero a receita sim. A coisa mais facil eh "veganizar" uma receita quando o unico ingrediente animal eh leite. Eh soh usar leite de soja (ou de arroz, de amendoa, de canhamo...). Se voce nao gosta de soja, tem esses outros tipos de leite por aih. Experimente algum outro e dpeois me conte. Beijos.

Fernanda - www.fernandafranca.com disse...

Andréa, lembrei de você!! Comprei missô em uma loja de produtos japoneses (e comprei outras delícias também). Em outra cidade, claro, porque aqui não tem. E queria que você me contasse (please) o que posso fazer com ele, hahahaha... se tiver alguma receita, sei lá... não sei mesmo. Primeira vez que compro. Beijos. Fê.

Andréa N. disse...

Opa, Fe, que legal, misso eh excelente! Vamos comecar com o seguinte (porque eu to na correria hoje aqui no trampo): comece usando o misso sempre que uma receita pedir caldo. Exemplo: 1 tablete de caldo de galinha ou carne, ou 1 copo de caldo de vegetais = 1 colher e meia de sopa de misso dissolvido em 1/2 copo d'agua. E ele eh salgadinho, entao naquela receita voce usa menos sal. Misso dura uma eternidade na geladeira. Nem se preocupe. Depois a gente conversa mais sobre isso. Eu devia escrever um post inteiro, pra ser sincera. Vou tentar. Beijo.

Andréa N. disse...

Fe: sopa de misso: http://brazilnut-nyc.blogspot.com/2008/02/missoshiro-sopa-de-miss.html

Carla Beatriz disse...

Oi Andréa,

Ontem recebi este link de um colega: http://www.meavels.org/campanha.php. O lema do site: Diga Não ao Vegetarianismo.

Achei o site ridículo e infame, além de divulgar meias-verdades.

Já há tantos carnívoros no mundo, não precisamos de um site ou um grupo que os defenda. É o fim da picada.

Hoje outro colega me falou de um professor tal que é "vegetariano", mas come carne uma vez por semana, porque faz falta ao ser humano. Pode isso?
Beijos

Andréa N. disse...

Eh uma tristeza alguem perder tempo escrevendo bobagens, neh? O mundo precisa de palavras de amor, nao de escarnio. Oh well...

Haha, esse vegetariano eh como alguns "veganos" que comem queijo, haha.

Posts similares

Related Posts with Thumbnails